{Jnanam}

Jnanam (= em sânscrito significa conhecimento) representa as diversas qualidades de mente na presença das quais, em medida relativa, o conhecimento do Ser pode ocorrer. Este conhecimento acontece quanto todos os fatores incluindo a mente, estão presentes. Os órgãos dos sentidos em conjunto com a mente são chamados pramana.

Entretanto, a mente deve não só ser capaz e atenta, mas também preparada para o conhecimento.  Práticas como pranayamas e ãsanas podem ser úteis para aquietar a mente, porém são os valores (+ atitudes éticas) mais profundamente estabelecidos e assimilados por si só que constituem a preparação da mente para o verdadeiro autoconhecimento

1 comentários:

Anônimo disse...

Conhecimento e memória andam lado a lado. Se você não tiver memória, não há conhecimento. Conhecimento, sendo memória, representa o passado. Não há memória presente. Tudo isso é fato. Quando procuramos, através da experiência, trazer um estado de integração, estamos utilizando a memória como meio de ação. Isto é, o passado está modificando o presente. Dessa forma, não existe ação criativa e, por isso, livre de condicionamentos. Por tal motivo, questiono a efetividade da meditação tradicional ou dos pranayamas. Quanto utilizamos qualquer técnica, seja do yoga ou de de qualquer área do conhecimento humano, estamos vivendo no passado. O passado é ilusório, então, qualquer ação baseada no passado estará dentro do "matrix". Por favor, questionem o que digo, não aceitem.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...